Letramento literário

o Enem e a formação escolar do leitor de literatura

  • Alessandra Alevato Leal
Palavras-chave: Letramento, Literatura, ENEM

Resumo

Principal forma de acesso ao ensino superior, o Exame Nacional do Ensino Médio – ENEM – modela os currículos do Ensino Médio, forjando não só os conteúdos, mas as práticas a serem desenvolvidas na escola. Este trabalho investiga a adequação entre as práticas de letramento literário escolar presumidas pela prova do ENEM e as orientações dos documentos oficiais para a formação do leitor de literatura. Os dados foram recolhidos de todas as provas do ENEM –
aplicadas entre 1998 e 2011 – das quais foram selecionadas as questões relativas ao campo da literatura. Procedeu-se à análise qualitativa e quantitativa dos dados que aponta para o seguinte resultado parcial: a predominância de questões focadas na atividade interpretativa sinaliza a possibilidade de superação de um modelo de trabalho com a literatura voltado mais para o estudo teórico e histórico do texto literário que para o desenvolvimento de habilidades de leitura e contato
efetivo e subjetivo com o texto. Por outro lado, há ainda equívocos na abordagem do texto literário no referido exame, dentre os quais destacamos a persistente existência de questões que desconsideram o texto selecionado para análise. São questões que atuam em prejuízo da compreensão de que o texto deve estar no centro de qualquer prática de letramento literário e de que os conhecimentos teóricos sobre o campo da literatura devem subsidiar as práticas de leitura. Outros
tipos de questões que podem atuar em prejuízo do objetivo principal da literatura na escola são aquelas que requerem a mera identificação de recursos do literário ou, ainda pior, aquelas focadas na aferição de conhecimentos sobre a linguagem, permitindo-se que o texto literário torne-se pretexto para a avaliação de habilidades gerais de leitura.

Publicado
2018-02-05
Seção
Artigos